Tag Archive

Mais um pouco das mentiras da mídia sobre a greve dos servidores

Por Marcelo Henrique Marques de Souza

Passando pela banca de jornal, vejo que o 'Extra', jornal aqui do Rio, traz hoje uma manchete daquelas imensas, com os seguintes dizeres: "Grevistas só punem quem paga o salário deles: o povo". E isso acompanhado de uma foto que destaca as filas que se formaram nas barcas, graças à operação da polícia rodoviária... »

O exemplo da Alemanha

Por Heitor Scalambrini Costa

A Alemanha foi à primeira nação industrializada a ter um plano de abolir a energia nuclear do seu território. A data para por fim a esta era de insegurança foi dia 29 de maio de 2011, por decisão da coalização de governo da chanceler Ângela Merkel. Até 2022 não haverá mais reatores nucleares neste... »

Trabalho escravo e religiosidade

Por Bruno Peron Loureiro

A América Latina coleciona casos de precarização, exploração e escravização do trabalho. Números vultosos de pessoas, outrossim, não se importam de laborar em condições degradantes em troca de um salário que lhes permita pagar o mínimo de contas porque é a única opção que resta ou porque têm que sustentar uma família. Mal passa... »

Muros da paz aparente

Por Bruno Peron Loureiro

A situação conflitante entre Israel e Palestina não tem trégua. O que se esperava resolver pela negociação bilateral cede às tentações unilaterais de Israel, que continua construindo lares judeus na Cisjordânia e em Jerusalém Oriental. O pulverizado povo palestino acompanha os movimentos de seu líder Mahmoud Abbas, que negocia a formação de um Estado... »

Como uma ideologia foi absolvida de seus crimes

Por Ricardo Cabral

O ex-ditador e torturador argentino Rafael Videla foi condenado ontém (22/12), aos 85 anos, à prisão perpétua pela execução de 31 presos políticos, em 1976, na cidade de Córdoba. É importante, claro, comemorar – como fazem, neste momento, milhares de argentinos. Sobretudo, porém, é preciso fazer uma ressalva e atentar para o fato de... »

Disputa na Copa do Mundo: Brasil X Holanda dói no corpo!

Por Marcelo de Oliveira Souza

Querendo ou não, nós brasileiros temos a nossa vida muito ligada ao futebol, nossas alegrias, decepções e tudo que o esporte chutado possa nos proporcionar. O Brasil e Holanda sempre foi um caso a parte, eles jogam muito bem mas nós quase sempre ganhamos, numa dessas vitórias, a do ano de 1994 foi a... »

Crescer e crescer

Por Aristóteles Drummond

Há muita onda em relação a números positivos da nossa economia nos primeiros quatro meses do ano. Mas quase nenhuma referência à capacidade ociosa de nossa indústria. São poucos os novos empreendimentos fora dos setores ligados a petróleo e mineração. Já não se fala em biocombustível e nada foi feito para que nossa produção... »

Como Cabral falava

Por Pedro Bondaczuk

A pronúncia das palavras da língua portuguesa, atualmente no Brasil, por incrível que possa parecer, é semelhante à usada nos tempos do descobrimento do País, em fins do século XV e início do XVI em Portugal. Enquanto na metrópole, contudo, ela sofreu enormes modificações, por influência principalmente do galego, aqui conservou as características básicas... »

Paroxismo de esperança

Por Bruno Peron Loureiro

A proclamada "liberdade" é a que permite que alguns países brinquem com nações inteiras como se estivessem jogando pôquer, inclusive com recurso a blefes. Os modos pueris fazem-nos acreditar que, se a partida não acabar bem, basta recolocar as cartas. O descaso com nações soberanas, ainda que pequenas e islâmicas, é típico de pujantes... »

“Se, para entrar no Conselho de Segurança, é preciso ser subserviente, é preferível não entrar”

Por Herivelto Quaresma

Celso Amorim, nosso ministro: “Se, para entrar no Conselho de Segurança, é preciso ser subserviente, é preferível não entrar”. Hillary Clinton que se conforme com sua política belicista e imperialista. Esse ministro é do Brasil e, felizmente, não é do mesmo espécime que nossos jornalistas. Outra pergunta que os jornalistas costumam fazer, há pelo... »

Busca

Colunistas