Início » Wilson de Oliveira » Respeitem o Olavo de Carvalho!

Respeitem o Olavo de Carvalho!

Respeitem o Olavo de Carvalho!Não é de hoje que presencio usarem o nome do jornalista e filósofo Olavo de Carvalho como sendo sinônimo de tudo que de ruim a sociedade contemporânea possui. Em alguns grupos de discussão nas redes sociais ser comparado a Olavo de Carvalho é ser ofendido de maneira vil.

Lembro-me que outros pensadores de nossa história recente também foram tachados de retrógrados, conservadores e até de párias, mas depois tornaram-se mitos. Um exemplo é Nelson Rodrigues, que com o seu “óbvio ululante” irritou muita gente.

Mas, por que Olavo de Carvalho irrita tanto as pessoas? Talvez porque ele tenha coragem de falar sem se preocupar com o que as demais pessoas estão pensando, já que muita gente só externa o que pensa, se isto for de acordo com o senso comum. O modo próprio de pensar parece que quase se extinguiu, tendo em Olavo de Carvalho uma das poucas pessoas que pensa diferente da imensa bestialidade de vive por aí. Logicamente que os obtusos do pensamento esquerdizóide não concordarão comigo, mas Olavo de Carvalho traduz o que a direita (embora ele tenha um pensamento que vai além da “direita” ou da “esquerda”), detentora do bom senso, pensa. A questão é que pouca gente tem coragem de se auto-denominar “de direita”.

No Brasil de hoje, ainda é chique e considerado politicamente correto ser de esquerda, apesar de tudo que nossas esquerdas estão roubando ou socializando entre si, e mais chique ainda ser contra Olavo de Carvalho, odiando-o. Tenho certeza que a chamada esquerda festiva de Ipanema discordará de mim, principalmente quando estiver conversando sobre as mazelas do país, bebendo vinho ou uísque importados e comendo seu caviar. Quanta ideologia…

O fato é que estes “esquerdinhas” continuarão não sendo referência de algo construtivo ou de fato analítico quanto à sociedade moderna e sendo apenas uma mínima expressão na multidão, mas o pensamento de Olavo de Carvalho permanecerá. E isto é um fato!

*Wilson de Oliveira é mineiro de Cataguases e divide sua vida entre Minas Gerais e Rio de Janeiro.

Comentários

comentários

Comentários

  1. Bruno Rabelo disse:

    Olavo está no seleto grupo de grandes mentes odiadas no Brasil que inclui Paulo Francis, José Guilherme Merquior, Nelson Rodrigues, Roberto Campos, Gustavo Corção e Meira Penna.

  2. Antonio disse:

    Mas que textinho de merda, mostra que nem você conhece Olavo de Carvalho, digno de um direitista, meus parabéns está no caminho certo, pois direitista não conhece nada mesmo, é limitado.

  3. Altair Ramos disse:

    Tá quase escrevendo igual ao mestre. Viva as ideias libertárias e inovadoras do Olavo… Só que não!

  4. FAms disse:

    Maluco não fala que é napoleão porque é corajoso. Faz isso porque cingiu com a realidade.

  5. Marco disse:

    Ele irrita apenas porque fala muita besteira. Simples.
    Não é preciso efetuar grandes análises de coisas como “Pepsi usa fetos abortados pra fazer adoçante”, “Obama é agente do comunismo islâmico”, “Vacinas não funcionam” e etc, bem como todo seu esforço em dizer que toda a ciência dos últimos 200 anos é uma farsa, incluindo Einstein, Darwin, Newton e etc.
    São apenas besteiras colossais, só isso.

  6. sergio ribeiro disse:

    Olavo não irrita; provoca risos em profusão. Dizer que Clinton é um agente de Pequim e que “Newton espalhou o vírus da burrice universal” é digno dos melhores humoristas do planeta.

  7. Márcio disse:

    Olavo de Carvalho é bem conhecido por xingar e desqualificar totalmente quem o critica. Isso se chama falácia ad hominem, você não sabia? Que pena, pois fique sabendo…

    O uso de falácias do tipo espantalho ou ad hominem é totalmente injustificável vindo de quem se auto-intitula “filósofo”. Além do mais, se o Olavo não respeita quem diverge de suas opiniões, como mereceria ser respeitado?

    Olavo é apenas um astrólogo que pensa que é filósofo. Mas, mais patéticos que ele, são os seus adeptos… Diante de tantas opiniões verdadeiramente idiotas que ele já proferiu contra pensadores como Copérnico, Newton, Einstein, Cantor, Galileu, Darwin e outros, torna-se uma incrível IRONIA que o seu livro mais recente se chame “O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota”…

  8. Ary Martins disse:

    Como disse o sofista grego Protágoras: “O homem é a medida de todas as coisas, das que são enquanto são e das que não são enquanto não são. E existem tantas verdades, quantos homens há”. E no embalo desse aforismo, acredito que no nosso modelo de democracia, onde a liberdade de consciência é um dos elementos que a justificam; que lhe dão vida, é fundamental alguem respeitar Olavo de Carvalho, na mesma medida que isso valha para ele e para todo cidadão. Se não existissem opiniões conflitantes, e a necessidade de convivermos harmonicamente nesse conflito, a democracia seria invalida: seria uma espécie de ditadura imposta pelo relativismo. Mas é a necessidade de fazer dessa diversidade, algo que enriquece a sociedade, que a democracia é forte. É perceber que no meio do conflito de ideias, existe sempre um modo de fazer sincretismo, e buscar absorver aquilo que sempre de melhor há em cada posicionamento. Toda grande ideologia possui pontos válidos e que podem ser observados e postos em prática. Esse é um dos motivos que me leva a criticar o engessamento dos rotulos, como se uma coisa só pudesse conter determinados elementos, e não outros também. É por isso que quem é da direita política, abomina tudo que faça parte do escopo da esquerda, na mesma medida que a esquerda, também abomina tudo que está no caldeirão da direita. É como se existisse uma cartilha engessada que diz: se você é da esquerda, só pode fazer essas coisas e está proibido de fazer aquelas. Ora, por que? Existem muitos conceitos e tendencias que estão dentro de um posicionamento político mas que não necessariamente não poderia estar fora ou fazer parte de um outro posicionamento. Esse tipo de engessamento, gera fundamentalismos na política que acabam sendo desnecessários e acabam gerando os clássicos desentendimentos ideológicos, onde um se vê como inimigo do outro, ao invés de enxergarem os pontos positivos da oposição e buscar, nesse entendimento aprimorar cada vez mais sua forma de pensar o mundo. É necessário saber lidar com o conflito de ideias, e buscar aprender com eles. A democracia não precisa necessariamente ser apenas um jogo de disputa de opiniões: pode ser uma ferramenta de sincretismo também.

  9. Guga Lopez disse:

    Respeitar o caralho…esse ai é um idiota

  10. Tupiniquim do Sul disse:

    É divertido assistir os detratores do Olavo de Carvalho. Alguns parecem caricaturas vivas. Confiram os que existem no youtube e verão se não tenho razão. Uns caras velhos já e fazendo papel de adolescentes rebeldes. São piadas em sua própria existência.

  11. Ali Qat disse:

    Olavo não merece respeito por duas evidências:
    1) Não respeita seus adversários, ao contrário, os ofende de forma baixa, vil e mentirosa (exemplos são muitos,alem daqueles já mencionados pelos demais comentaristas. De Karl Marx, chegou a dizer que este vivia na opulência e que era satanista)
    2)Propaga intolerância, discriminação e ódio contra minorias, defende os regimes totalitários de direita da América Latina.
    Portanto, é muito cinismo exigir algum respeito a esse tipo que mais parece um debiloide do que um suposto livre pensador.
    De resto, é hilariante suas opiniões contra o heliocentrismo, seus ataques a Newton e Einstein, etc. Como alguem com um mínimo de neurônios pode respeitar uma parvoíce dessas,totalmente picaretas e desonestas perante provas científicas incontestes nas academias de qualquer país?
    Aliás, apropriado lembrar o velho aforismo: “quem fala o que não deve ouve o que não quer”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*
*