Genoíno renuncia, diz que não roubou e culpa a imprensa!

Genoíno renuncia, diz que não roubou e culpa a imprensaMais um capítulo chega ao fim da novela do Mensalão. Ontem, dia 03 de dezembro, o bandido condenado, José Genoíno, finalmente entendeu que seu lugar não é mais entre os legisladores desse país e renunciou ao seu mandato de deputado federal. Na verdade, Genoíno não queria ter seu histórico de vida manchado com uma cassação por corrupção e cumprimento de pena. Eu só me pergunto porque antes de praticar todas as negociatas ele não pensou nas possíveis (embora fossem improváveis) consequências. O ex-deputado federal e atual presidiário enviou uma carta de renúncia à Câmara dos Deputados onde criticou a forma como a imprensa noticiou todo o episódio de corrupção e de derrocada de importantes dirigentes petistas (Mensalão), afirmando ainda que a imprensa faria uma “transformação midiática, em espetáculo, de um processo de cassação”.

Genoíno disse na carta que não praticou qualquer conduta, na vida pública ou privada, “que tivesse o condão de atentar contra a ética e o decoro parlamentar”. Renunciando, o processo de cassação que tramitava na Câmara dos Deputados foi encerrado, embora, de acordo com a Mesa Diretora da Câmara, o processo de aposentadoria ainda prossiga.

O irônico é que Genoíno insiste em afirmar que nunca roubou ou participou de esquemas criminosos de desvio de verba pública durante toda sua vida política ou como mero cidadão. Continua insistindo que é vítima e ainda se considera um preso político e não um político preso, como na verdade é. Seus advogados insistem que Genoíno está absurdamente doente e que pernoitar na penitenciária poderia lhe ser fatal. Sinceramente, acredito que pouca gente sentiria falta dele caso ele viesse a falecer, mas mesmo assim ele é merecedor de cuidados médicos, como todos os demais presos de nosso sistema penitenciário é. O problema é que se Genoíno morrer na cadeia, poderá ser elevado pelos marqueteiros do PT à categoria de herói. De bandido a herói, seria uma ironia…

*Wilson de Oliveira é mineiro de Cataguases e divide sua vida entre Minas Gerais e Rio de Janeiro.

One thought on “Genoíno renuncia, diz que não roubou e culpa a imprensa!

  1. Chamar José Genoíno de bandido classifica de imediato o autor do comentário como pessoa mal informada, tendenciosa e não habituada a respeitar o próximo.
    Se nenhum dos juízes do stf tem estatura moral, política e legal para condenar Genoíno, imagine-se como autor deste comentário muito tendencioso

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *