É se dando, que se recebe

Por em 09/07/2012

Tamanho da fonte: Aumentar o tamanho da letraDiminuir o tamanho da letra
Compartilhar

A dinâmica das trocas no novo cotidiano corporativo

Recentemente fui convidado por um dos meus mestres a proferir uma palestra que abordasse sobre o que as empresas esperam dos gestores nessa nova configuração dos mercados.

Comecei então a refletir sobre o tema proposto e cheguei à conclusão que não se tratava apenas de esperar dos gestores, mas também de oferecer, ou seja, um intercâmbio, uma troca, já que as empresas e os colaboradores ofereciam, mas também esperavam receber algo em troca, simultaneamente.

Para ter uma referência me reportei ao passado e constatei que, apenas entre 1940 e 1942, essas “trocas” começaram a ser formalizadas, com a instituição do salário-mínimo e da CLT. De uma maneira geral, as empresas ofereciam apenas o que a lei determinava e recebiam em troca dos funcionários horas de trabalho. Vale salientar que isso era muito para quem, até então, não tinha nada.

Entre os anos 60 e 70 prevalecem os contratos de trabalho estabelecidos informalmente. E assim fica claro que um lado começa a sair perdendo neste processo. Neste caso, o do empregado.

Para minimizar os prejuízos com esse processo, entre o final dos anos 70 e início da década de 80, o trabalhador reivindica um desenvolvimento econômico atrelado ao desenvolvimento social.

A década de 90 começa com crises econômicas no país e altas taxas de desemprego. Cenário nada propício para se negociar nas trocas. Quando surgia qualquer oportunidade, o trabalhador simplesmente aceitava o que era oferecido: se ele não aceitasse as condições impostas, o outro aceitaria e ele continuaria sem emprego. Era o tipo de troca ganha-perde, onde a empresa ficava com a primeira parte e o trabalhador com a segunda.

A partir do ano 2000 começam os processos de profissionalização das empresas e dos trabalhadores, que se estenderam até o momento atual. Destaco que, em uma rápida análise, observo que até então, o trabalhador levou desvantagem nestes processos. Mas, nesta nova fase, as exigências começam a ser maiores e as trocas, muito mais negociadas por todos os envolvidos. Pode até ser afirmado que, já é possível pensar em uma classificação ganha-ganha.

Atualmente os gestores já entendem que para se tornarem produtivos, precisam investir fortemente nestes processos de troca. Ou seja, sabem que podem solicitar alguma coisa das empresas, mas em contrapartida, devem oferecer algo (não necessariamente nesta ordem) que vá além dos portões da instituição: que favoreça a sociedade.

Claro que não é tão simples assim, tampouco na amplitude necessária, mas é inegável que essa ação já é uma realidade.

Neste processo, o gestor deve solicitar:

o A si mesmo: que tenha bons conhecimentos da tecnologia utilizada no desenvolvimento das suas atividades, seja globalizado, tenha um comportamento exemplar, que cuide do seu “eu” (corpo, mente e espírito), tenha um perfil profissional (Autônomo, colaborativo, versátil, empreendedor, que tenha autoconhecimento e competência emocional, etc.), que seja um líder ecológico (aquele que se preocupa em saber se o resultado das suas decisões será positivo para ele mesmo, para a empresa, para a sociedade).

o Ao colaborador: que esteja aberto ao intercambio de experiências, tenha autogerenciamento das atividades/autonomia, que seja responsável.

o A empresa: que dê apoio para as suas iniciativas.

Como é uma troca, o gestor deve oferecer:

o Ao colaborador: ouvir o que ele tem a dizer e considerar o seu pensamento, considerar também a individualidade, dar feedback constantemente mesmo que de maneira informal, possibilitar as boas relações interpessoais, desenvolvimento profissional, abertura para trabalhar com a diversidade, investimentos em qualidade de vida no trabalho, senso de justiça, entre outros.

o À empresa: ideias criativas e produtivas, operar com as instabilidades do mercado, simplificação de processos, visão além de, e bons resultados, no mínimo.

o Ao mercado: excelente formação profissional, diferenciais e inovação.

o À sociedade: responsabilidade social, sustentabilidade e outras demandas.

Diante do que foi dito até aqui, reflita e se conscientize de que, todos nós queremos receber, mas para isso ocorra, alguém precisa oferecer. Caso contrário esse nosso objetivo nunca seria alcançado. Concorda? Então, faça a sua parte e seja feliz. Que assim seja!

*Odilon Medeiros – Mestre em Administração, Especialista em Psicologia Organizacional, Pós-graduado em Gestão de Equipes, MBA em Vendas, consultor e palestrante. www.odilonmedeiros.com.br






Por Odilon Medeiros, em 09/07/2012.

Comente!

Busca

Colunistas


stivali ugg outlet italia online canada goose jacka dam billigt ralph lauren pas cher ugg pas cher bottes uggs pas cher hollister online shop Hollister Outlet Online Shop Deutschland Hollister Outlet Online Shop Deutschland Hollister Online Shop Deutschland Sale Hollister Sale Online Shopping Canada Goose Schweiz doudoune parajumpers pas cher Ropa Hollister Espa?a Online hogan 2014 hollister france moncler outlet hollister outlet piumini moncler parajumpers italia woolrich france moncler danmark moncler jakker moncler outlet hollister outlet deutschland moncler jacke detuschland ugg deutschland canada goose deutschland woolrich nederland moncler jassen moncler jacken moncler deutschland ugg outlet ugg deutschland the north face jacken the north face outlet the north face deutschland hollister deutschland hollister outlet abercrombie
Hogan Outlet Ugg Italia Sito Ufficiale Ugg Outlet Online Italia Stivali Ugg Outlet Italia Scarpe Hogan sito ufficiale Doudoune Moncler Pas Cher Femme Bottes Ugg Pas Cher Femme Ugg Pas Chere Ugg Pas Chere France Moncler Outlet Online Nederland Moncler Jassen Outlet Nederland UGGs Sverige Outlet Uggs Rea Chaquetas Moncler Outlet Moncler Madrid Outlet Chaquetas Moncler España UGG Italia Outlet Online UGG Italia Shop Online Stivali UGG saldi Italia woolrich Outlet Bologna Indirizzo woolrich Outlet Italia Online Woolrich Bologna Spaccio Hogan Outlet Italia Scarpe Hogan Uomo Saldi Scarpe Hogan Outlet Roma Moncler Outlet Opinioni Moncler Piumini Neonato Peuterey Outlet Roma Peuterey Outlet Bologna Borse Michael Kors prezzi Borse Michael Kors Online Abercrombie Italia Outlet Abercrombie Outlet Online Parajumpers Jassen Amsterdam Hollister Rotterdam Online Shop Canada Goose Nederland Jassen Canada Goose Nederland Woolrich Jassen Dames Outlet Scarpe Hogan Outlet Shop Scarpe Hogan Online Bottes Ugg Pas Cher Femme Stivali Ugg Italia Woolrich Outlet Online Store Woolrich Outlet Hollister Italia Outlet Online Woolrich Outlet Online Store Ugg Italia Outlet Online Stivali Ugg Outlet Italia Ugg Outlet Online Italia Piumini Moncler Outlet Ufficiale Woolrich Outlet Roma Indirizzo Doudoune Moncler Femme Ugg Pas Cher Femme Doudoune Canada Goose Femme Doudoune Parajumpers Femme Hollister Pas Cher Femme woolrich outlet online Moncler Piumini Outlet Online Canada Goose Jassen Nederland Canada Goose Sale Online Moncler Jassen Outlet Roermond Moncler Jassen Sale Heren Uggs Sale Nederland Betrouwbaar Goedkope Uggs Sales Woolrich Jassen Sale Nederland Woolrich Jassen Dames Online Moncler Jassen Dames Outlet Woolrich Jassen Outlet Sale Uggs Sale Nederland Online Canada Goose Sale Jassen Moncler Jacken Online Shop Woolrich Sale Online Shop Parajumpers Sale Deutschland Sac Michael Kors Pas Cher Canada Goose Jacka moncler jacka dam Hollister Stockholm Moncler Jacken woolrich outlet Parajumpers Long Bear Piumini Moncler Prezzi Scontati ugg italia outlet Moncler Outlet Piumini