Chegou a vez de Eike Batista ser preso

Desde o final da madrugada de hoje, a Polícia Federal, com a participação do Ministério Público Federal, cumpre alguns mandados de prisão e condução coercitiva, dentro da Operação Eficiência, que é um desdobramento da Lava Jato, e um dos alvos é o empresário Eike Batista que, segundo declararam seus advogados, está fora do país, numa viagem pelos Estados Unidos, mas deve se apresentar à Polícia Federal assim que retornar ao Brasil.

A Polícia Federal e o Ministério Público Federal descobriram que Eike Batista depositou dezesseis milhões de dólares em contas de laranjas do ex-governador Sérgio Cabral, que já se encontra preso, apesar de todos os esforços de seus advogados para tentar sua liberdade provisória.

De acordo com as investigações, o dinheiro sujo saiu de contas do empresário para Cabral a partir de contas no Panamá. Foram mais de cem milhões de dólares que saíram de Eike Batista para corromper políticos e empresários brasileiros.

Das contas de Eike também saiu dinheiro para pagar contas de campanha de Dilma Rousseff, beneficiando João Santana, tudo a pedido do ex-ministro Guido Mantega. por conta desse envolvimento, Mantega e Santana poderão até ser presos novamente.

Outros que também foram alvo da Operação é o irmão do ex-governador do Rio de Janeiro Sérgio Cabral, Maurício de Oliveira Cabral Santos, e a ex-esposa de Cabral, Suzana Neves, que foram conduzidos coercitivamente à sede da Polícia Federal, no Rio de Janeiro.

*Wilson de Oliveira é mineiro de Cataguases e divide sua vida entre Minas Gerais e Rio de Janeiro.

One thought on “Chegou a vez de Eike Batista ser preso

  1. Debates Culturais sempre com ótimos conteúdos!

    Parabéns!

    Abraços,
    Andréia

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *