Silas Correa Leite

A prosa cáustica de Antonio Cabrita no romance “A Maldição de Ondina”

Por em 26/02/2012
A prosa cáustica de Antonio Cabrita no romance “A Maldição de Ondina”

Como quem não quer nada, de forma cáustica, irônica ou circunstancialmente poética, aqui e ali navalha no palavrear-carne humana (relações e escombros), o autor lusoafricano Antonio Cabrita no romance “A Maldição de Ondina” vai levantando lebres/corvos/rinocerontes (acontecências...), apontados trilhas escamosas, como se num desdizer todo próprio e único que abrisse em lascas, repentes nem... »

Busca

Colunistas