Pablo Morenno

DNA do amor

Por em 28/05/2014
DNA do amor

Famílias, podendo ou não ter filhos, ao querer adotar enredam-se em longa burocracia. Quase sempre, seu filho do coração adentrará à casa marcado pela violência e rejeição da família biológica, pelos anos de abrigamento sem vínculos afetivos, emocionalmente fragilizado e fisicamente doente. Por falta de amor, essas crianças, crescidas enquanto se tenta obrigar a... »

Um útero para elas

Por em 12/05/2014
Um útero para elas

Ainda que a maioria dos super-heróis seja masculina, as super mamães existem. Talvez não sejam aladas, a não ser de ternura. Talvez não corram à velocidade da luz, mas disparam em máxima velocidade humana ante um choro de filho. Talvez não consigam salvar-nos dos alienígenas, mas podem gerar novos seres comprometidos com outro mundo.... »

Como se faz uma mulher

Por em 09/03/2014
Como se faz uma mulher

O mundo público é assaz masculino. É o mundo da razão, da lei, da guerra, da objetividade. Às mulheres o confinamento dos espaços privados. É preciso controle, e não apenas da fêmea como indivíduo da raça. Características femininas como a solidariedade e a amorosidade foram banidas da hierarquia e da lógica pública. Destruição do... »

O erro do rei

Por em 02/03/2014
O erro do rei

As redes sociais estão bombando contra a propaganda do rei Roberto para uma marca de carnes. O rei, que não era bem vegetariano, comia ovos e derivados do leite, revela numa cena em restaurante, desejar o bife de um outro comensal. Gagueja para dizer a marca, mas o garçom ajuda. A propaganda termina com... »

Causas ou negócios

Por em 27/02/2014
Causas ou negócios

“Eu não acho que seja nobre ter destruído minha própria vida e a vida das pessoas ao meu redor para buscar a verdade”, disse Roberto Saviano, jornalista, ao jornal “El País”, versão em português, em 15.02.14. Saviano publicou aos 26 anos o livro “Gomorra” sobre a máfia napolitana, que já vendeu 10 milhões de... »

Para Hitler, e Darwin

Por em 11/02/2014
Para Hitler, e Darwin

É bem possível que Hitler não aprove esta crônica. Darwin também pode se sentir incomodado, mas esse eu entendo. Cronista escreve para provocar, não para agradar gregos e troianos. Imaginem que vou perder o sono por Hitler ou Darwin. Apenas perco o sono por alguém a quem amo, por exemplo meu filho. Perco o... »

Dia internacional da palavra

Por em 23/11/2013
Dia internacional da palavra

Neste sábado, acontece uma mobilização mundial, proposta pelo Museo de la Palabra, da Espanha, para se encaminhar à ONU que o dia 23 de novembro passe a ser o “Dia Internacional da Palavra.” Um dia especial para a palavra, tem por escopo reconhecê-la como instrumento de paz, como antítese da violência, como princípio de... »

Nova Lei de Trânsito

Por em 03/03/2012
Nova Lei de Trânsito

No século XX cerca de 35 milhões de pessoas morreram em acidentes de trânsito. Os feridos totalizaram 1,5 bilhão. A cada final de semana, aumentam as estatísticas de tragédias no trânsito. A Lei Seca teve pouco significado neste contexto todo. Passo Fundo, cidade onde moro, virou manchete nacional na última semana pela morte de... »

Leitores e eleitores

Por em 22/02/2012
Leitores e eleitores

A importante revista inglesa "The Economist" anunciou em suas manchetes, há algum tempo, que a leitura no Brasil é uma vergonha. Para a revista, a situação das bibliotecas públicas e o baixo índice de leitura dos brasileiros constituem "motivo para vergonha nacional", juntamente com o crime e com as taxas de juros. Não por... »

Busca

Colunistas