Principal » Artigos de Julio Cesar Cardoso
Julio Cesar Cardoso

O depoimento de Lula no contexto político

Com apoio de parlamentares, o PT transformou o depoimento de Lula em ato político, com demonstrações intimidativas em Curitiba. O país está precisando sofrer uma intervenção não só para resgatar os valores da República como também para frear os movimentos subversivos político-partidários
Julio Cesar Cardoso

A reação de Lula diante dos fatos

A reação de Lula à revelação do ex-diretor da Petrobrás, Renato Duque, de que o ex-presidente lhe deu orientação a apagar vestígio de conta em banco na Suíça é uma demonstração de quem se vê, cada vez mais, desmascarado em seus próprios círculos corruptos de amizades
Julio Cesar Cardoso

O xilindró de Lula se aproxima

Podem as carpideiras do PT ir se preparando porque vão ter que chorar muito depois que o juiz Sérgio Moro confirmar as acusações da Odebrecht e da OAS de que o Amigo (Lula) se locupletou, ele, filhos e PT, de dinheiro ilícito das empreiteiras
Julio Cesar Cardoso

A República Federativa da Odebrecht

Desgraçado é o país que tem os seus políticos subjugados à “República da Odebrecht”. Não é nenhuma surpresa ao brasileiro, pois já se sabia que dinheiro ilícito bancava as campanhas milionárias da maioria das principais agremiações partidárias
Julio Cesar Cardoso

Propina em forma de doação de campanha

Os políticos, quase todos, são corruptos, travestidos de cidadãos honestos. Elegem-se e se reelegem com dinheiro bancado pela corrupção dos partidos; não demonstram um pingo de interesse em saber a verdadeira origem do dinheiro de campanha; e ficam tremendamente irados quando são tachados de políticos desonestos, batendo sempre na mesma tecla do mantra já desgastado de que as doações foram legais e registradas no tribunal eleitoral
Julio Cesar Cardoso

As excelências estão em pandemônio com as delações premiadas

A declaração bombástica de Marcelo Odebrecht, em depoimento ao TSE no processo contra a chapa Dilma-Temer, dá a dimensão exata de como a corrupção desmascara a pseudo-honestidade da maioria dos políticos nacionais, eleitos em campanhas milionárias.
Julio Cesar Cardoso

Projeto de punição a promotores, policiais e juízes

Ora, o projeto é apenas uma forma especiosa revanchista de calar as autoridades que combatem a corrupção política a exemplo da Lava-Jato, interferindo assim no livre exercício de suas atividades, o que é inadmissível.
Julio Cesar Cardoso

Romário também joga no campo político

O senador Romário está impossível, já emplacou duas diretorias, indicando os seus protegidos, amigos ou correlatos a FURNAS e a ELETRONUCLEAR. Assim, o senador Romário deveria ser mais responsável com o exercício do mandato e não utilizá-lo como trampolim para alçar aos cargos públicos os seus apaniguados.
Julio Cesar Cardoso

O eleitor não é vaga-lume para aceitar lista fechada

Hoje, no Brasil, podemos afirmar que os partidos e políticos eleitos não mais nos representam, respeitadas as poucas exceções, tal é o enorme envolvimento deles com a corrupção. A verdade é que a política nacional está contaminada. Poucos escapam. Fechar o Congresso é o mínimo que deveria ser feito. E depois marcar novas eleições sem a presença de nenhum atual ou ex-político.
Julio Cesar Cardoso

Os movimentos feministas e as decisões de primeira instância

Por que as feministas não se manifestaram contra a soltura de ex-goleiro Bruno Fernandes, bem como contra o ministro do STF, Maro Aurélio Mello, que autorizou a libertação de um criminoso? Eis uma questão ainda sem resposta das manifestantes feministas.
Julio Cesar Cardoso

Brasil imerso no turbilhão de corrupção

Somente uma nova intervenção militar poderá recuperar a ética e a moralidade pública. Com o contingente político de que atualmente dispomos, o qual grande parte de parlamentares responde a processo na Justiça, ou transige com a continuação de condutas imorais políticas, o Brasil não sairá deste turbilhão corrupto.
Julio Cesar Cardoso

A reforma da Previdência Social

Com a conhecida pouca seriedade de nossos políticos e governantes, enquanto a Previdência Social não for administrada por gestores externos, sem vinculação política, por exemplo, por uma Fundação Getúlio Vargas, o país será constantemente alvo de propostas mirabolantes de reforma previdenciária.
Julio Cesar Cardoso

Sem limites para a indecência

Lula é a encarnação do Diabo. Acostumado às bravatas dos comícios sindicais, onde destilava a sua ira contra patrões, banqueiros, todas as demais classes de empreendedores e adversários políticos, Lula é um caso psicopático perigoso e nocivo à República.
Julio Cesar Cardoso

O mau caráter do político nacional

Deputado Carlos Marun (PMDB-MS) usou dinheiro público para visitar Eduardo Cunha na cadeia. Deveria ser submetido ao Conselho de Ética para ter o mandato cassado por falta de conduta ética e moralidade pública.
Julio Cesar Cardoso

Cotas para representação feminina no legislativo nacional

A verdade é que o país não precisa de mais políticos, seja homem ou mulher. E o exemplo é o nosso inchado e inoperante Congresso Nacional, repleto de parasitas e encharcado de mordomias. A qualidade representativa não está na quantidade política.
Julio Cesar Cardoso

Novo secretário nacional da juventude

Este Brasil, maltratado por políticos inescrupulosos e crápulas e hoje mergulhado na sua pior história de corrupção (LAVA-JATO), é muito forte para suportar os ratos, os abutres, as velhas e as novas raposas políticas, que conspurcam a imagem da nação.
Julio Cesar Cardoso

Delação premiada, Odebrecht e demais empreiteiras

A Odebrecht e todas as empreiteiras envolvidas na Lava-Jato, uma vez comprovadas as suas ilicitudes, deveriam ser banidas de prestar serviços ao setor público. E, nos casos em que somente as empresas nacionais impedidas reúnam condições técnicas para a realização de obras e serviços públicos, deverão ser convocadas empresas do exterior para participar de processo de licitação correspondente.
Julio Cesar Cardoso

Sabe com quem está falando?

O senador Renan Calheiros, réu no STF e com outros inquéritos nas costas, além de denegrir a imagem do Congresso, serve de mau exemplo à juventude brasileira, tão desinteressada pela política por óbvias razões.
Julio Cesar Cardoso

Punição a juízes e promotores

Verifica-se que os parlamentares não alinhados com a moralidade pública ou vingativos à ação moralizadora da Lava-Jato e congêneres tentam intimidar e desqualificar os trabalhos dos juízes e promotores. Vejam o absurdo da emenda, se aprovada: poderá gerar punição aos membros do Judiciário e Ministério Público, caso as suas decisões sejam reformadas por instância superior.
Julio Cesar Cardoso

A patifaria tomou conta do Senado

O coronel alagoano está arreganhando as garras contra uma decisão do Supremo. Mesmo sendo monocrática a decisão deveria ser respeitada. Se fosse dirigida a um cidadão comum, este teria respeitado. Esta República está incontrolável, depois criticam aqueles que rogam pelo retorno dos militares
Julio Cesar Cardoso

As viúvas e viúvos de Dilma Rousseff

Ao assistir ao pronunciamento do senador Lindbergh Farias no Senado, o cidadão, com um pouco de equilíbrio racional, indaga se Lindbergh é um ser pertencente a outro planeta que não vivenciou o período malogrado do governo petista, mormente o malsucedido governo de Dilma Rousseff.
Julio Cesar Cardoso

Políticos com práticas não republicanas

Os parlamentares que subscreveram apoio a Geddel Vieira estão completamente desconectados do clamor das ruas, que não aceita mais condescendência com políticos corruptos ou com práticas não republicanas.
Julio Cesar Cardoso

O projeto do PT acabou

Desnorteados com a cassação de Dilma Rousseff, com o esfacelamento do PT, com Lula no ostracismo tentando se defender das pesadas acusações que lhe são atribuídas e com o enfraquecimento dos partidos de esquerda, as viúvas do governo anterior, sem justificativas plausíveis, resolveram se opor à gestão Temer
Julio Cesar Cardoso

A lente ideológica

Em pleno século 21, com o cenário mundial dominado pela internet, a rede social bombando e a simultaneidade das comunicações, a esquerda política brasileira continua com pensamento retrógrado bolchevique ou se espelhando na Venezuela, Cuba etc
Julio Cesar Cardoso

A resistência às mudanças no país

Por que tanta resistência e crítica do PT e dos demais partidos de esquerda às mudanças anunciadas pelo MEC no Ensino Médio? Parece até que o país pratica uma educação moderna e positiva. Mas o quadro do Ensino Médio Nacional é sofrível, e o PT em mais de treze anos no poder foi incapaz de minimizar a situação.
Julio Cesar Cardoso

O novo ou velho Brasil

Por que o Senado mantém ilegalmente a regalia imoral do Plano de Saúde gratuito? Por que também o Congresso Nacional até agora não impediu as regalias de ex-presidentes da República? A moralização dos gastos públicos deveria ser feita a partir do Congresso Nacional, com os parlamentares corrigindo ou cortando a enorme lista de privilégios pecuniários de que desfrutam, inclusive com a redução de seus salários, em respeito ao contribuinte nacional
Julio Cesar Cardoso

Mordomias de ex-presidentes cassados

Um projeto de lei recém-apresentado no Congresso retira dos ex-presidentes da República condenados por crime de responsabilidade, no Senado, ou por crime comum, no Supremo Tribunal Federal (STF), o direito de utilizar dois carros oficiais e oito funcionários bancados com dinheiro público.
Julio Cesar Cardoso

STF acolhe denúncia contra senadora Gleisi Hoffman e marido

A sua defesa já se esvazia pela unanimidade dos ministros que aceitaram o seu indiciamento. Dilma também disse que no momento certo iria se defender e deu no que deu. A senadora e o marido, Paulo Bernardo, o qual pouco trabalhou no Banco do Brasil, pensavam, como o LULA, que podiam virar este país de cabeça para baixo e que nada aconteceria. Pois se enganaram redondamente.
Julio Cesar Cardoso

Recriação do Ministério da Cultura

Governo recua e recria Ministério da Cultura, por Medida Provisória, que foi aprovada no Senado e agora vai para sanção presidencial. Além de restabelecer o Ministério da Cultura, o projeto cria a Secretaria Especial dos Direitos da Pessoa com Deficiência e a da Promoção e Defesa dos Direitos da Pessoa Idosa, ambas no Ministério da Justiça.
Julio Cesar Cardoso

Eleições municipais em 2016

Eleitor, as eleições municipais estão aí. Demonstre maturidade e responsabilidade com a sua cidade, escolhendo bem, independente de partido, os seus representantes políticos. Vote com consciência em alguém que goze de boa reputação ética e moral, que traga propostas positivas para a coletividade e para o município.
Julio Cesar Cardoso

Acordo espúrio no fatiamento da votação do impeachment

Até que ponto os senadores merecem respeito? Ser ou não ser coerente, eis o grande impasse de políticos poltrões, que votaram pelo afastamento definitivo de Dilma Rousseff, mas, covardemente, 16 dos 61 senadores que votaram pelo impeachment mantiveram os seus direitos políticos.
Julio Cesar Cardoso

Deu pra ti, vai pra Porto Alegre…

Ninguém consegue enganar a todos por muito tempo. O Brasil foi vítima de um partido travestido de vestal inquebrantável, que pretendia se perpetuar no poder, minando as instituições com elementos inescrupulosos e incompetentes, como ficou demonstrado com o desmonte da Petrobrás.
Julio Cesar Cardoso

A fase final do impeachment

Finalmente, o Brasil está próximo de se livrar do maior engodo presidencial de que se tem notícia; da maior incompetência administrativa surgida, responsável pela quase bancarrota do país, onde hoje mais de 13 milhões de desempregados endividados e empresas fechadas pagam o preço da política desastrada da “economista nota zero”, Dilma Rousseff.
Julio Cesar Cardoso

Gestão privada

Como sói acontecer no país, os partidos de esquerda têm ojeriza à palavra privatização. A turma do PT, então, fica irada e enrubescida ao sentir o seu retrógrado pensamento antiprivatização ser rechaçado pela necessidade de um Estado não intervencionista na economia para que o país se desenvolva.
Julio Cesar Cardoso

A audácia de Lula & Cia.

Um abaixo-assinado de juristas foi entregue nesta segunda-feira (01) ao presidente do STF, Ricardo Lewandowski, em apoio à decisão da defesa do ex-presidente Lula de recorrer ao Comitê de Direitos Humanos da ONU. Um bando de “juristas” partidarizados, em vez de defenderem a moralidade pública, os valores morais da República, se bandeia para o lado do indecoroso Lula, um cidadão desmascarado pela Operação Lava-Jato, que teve a proeza de enriquecer só vivendo de política.
Julio Cesar Cardoso

Vaquinha para Dilma Rousseff

Esse povinho botocudo do PT não tem vergonha na cara. Se fosse para fazer vaquinha para tirar alguém da miséria, ou para custear as despesas de internamento de um paciente pobre, ou para pagar os gastos escolares de um jovem da periferia, para que ele não se torne mais um número a constar da estatística criminal brasileira, certamente não haveria solidariedade da hipócrita sociedade partidarizada petista.
Julio Cesar Cardoso

O luxo do dinheiro roubado

O cidadão de bem, que não exerce atividade política, estuda e rala para se estabelecer com dignidade no mercado de trabalho e tudo é declarado em seu Imposto de Renda. Mas os políticos tortuosos, em sua solércia de viver, têm aviões, carros importados e apartamentos no exterior, omitidos do fisco. Ou seja, é vasto o luxo que o dinheiro roubado proporciona aos políticos desonestos.
Julio Cesar Cardoso

O país não pode regredir

O Brasil arruinado por Dilma está aqui presente: recessão econômica, mais de 11 milhões de desempregados endividados, fechamentos de empresas diariamente, retorno da inflação à casa dos dois dígitos, descrédito junto à comunidade financeira internacional, o tripé "Educação, Saúde e Segurança" lastimável, enfim, é o Brasil beirando a bancarrota.
Julio Cesar Cardoso

Proibição de algemas nas presas em trabalho de parto

Com efeito, numa situação de excepcionalidade respeitosa à gestação, o uso de algemas no momento de parto afronta a razoabilidade, a dignidade do ser humano e em consequência machuca e revolta, naquele instante, a parturiente.
Julio Cesar Cardoso

Os guaipecas petistas estão espavoridos

Querem criticar Michel Temer, mas os ministros acusados de envolvimentos ilícitos, no governo interino, são logo substituídos e não se aproximam da longa lista de ministros corruptos que desfilaram nos governos do PT.
Julio Cesar Cardoso

Vão mascar chiclete, cambada de vivaldinos!

O Brasil assistiu, vergonhosamente, na comissão de impeachment do Senado, a cenas patéticas e nauseantes, protagonizadas, principalmente, pelo quarteto quixotesco, formado pelos senadores Lindbergh Farias (PT-RJ), Fátima Bezerra (PT-RN), Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) e Gleisi Hoffmann (PT-PR).
Julio Cesar Cardoso

Perderam a vergonha de vez

Os políticos nacionais perderam a vergonha, o pudor, a ética e a moralidade, respeitadas as poucas exceções. No linguajar popular, se gritar pega ladrão, no Congresso Nacional, quase todos correm tal é a consciência pesada de cada um.
Julio Cesar Cardoso

O desrespeito ao eleitor e a velha política do fisiologismo

Como eleitor, eu me sinto lesado ao votar em um candidato, que depois interrompe o mandato para trabalhar no Executivo. No Brasil, em diversas áreas profissionais, existem muitos cidadãos preparados. Por que esses cidadãos não são aproveitados para preencher as pastas governamentais, em vez de se alocar políticos em exercício de mandato?
Julio Cesar Cardoso

Antes tarde do que nunca

O país agora tem novo técnico, que não permitirá a derrota acachapante de 7 X 1, tal é o quadro degradante de nossa economia, com mais de 11 milhões de desempregados, empresas fechando todos os dias, a inflação corroendo o bolso da sociedade e o descrédito nacional junto à comunidade financeira estrangeira.
Julio Cesar Cardoso

Não adianta chorar, seus vira-latas!

Não a adiantou a manobra sórdida dos vira-latas de Dilma Rousseff. Mais uma vez, as artimanhas do guru em decadência, Lula, foram derrotadas. Tchau, querida! E não volte mais. Vá aplicar as suas teorias econômicas em suas lojinhas de artigos de 1,99, fechadas, em Porto Alegre
Julio Cesar Cardoso

Governo Dilma faz qualquer coisa para continuar existindo

Golpe é o que se está agora pleiteando com a PEC 20/2016, para aliviar a dor de Dilma Rousseff. É o famoso jeitinho brasileiro de encontrar soluções mágicas, tão arraigado na cultura política brasileira e de difícil combatividade.
Julio Cesar Cardoso

Movimento baderneiro do MST

O país precisa ficar atento. A recém-ministra substituta da Casa Civil, Eva Chiavon, que já passou pelo Ministério da Defesa, pasmem, é esposa de “Chicão”, o número dois do MST. O MST é um movimento sustentado pelo governo do PT para servir de seu apoio.
Julio Cesar Cardoso

Dilma Rousseff, dura lex, sed lex, impeachment já!

Não existe golpe contra o Governo. Golpe o governo deu no Brasil ao não cumprir as suas promessas de campanha e mentir ao povo brasileiro. Golpe foi se reeleger com dinheiro sujo do petrolão, levar a Petrobrás à quase insolvência, desrespeitar as leis fiscais, não aceitar a decisão do TCU, que, por unanimidade de seus ministros, desaprovou as contas de 2014, de Dilma Rousseff
Julio Cesar Cardoso

Bate-boca na comissão do impeachment

José Eduardo Cardozo exerceu o seu papel de Advogado-Geral da União ao defender o Governo. Só que ele se esqueceu de que não estava em sala de aula tentando convencer uma platéia de imberbes calouros de Direito. É necessário, entretanto, não cair na lábia esperta do Advogado-Geral, pois os seus argumentos sofísticos não podem contrapor ou sobrepor, por exemplo, uma decisão técnico-jurídica do Tribunal de Contas da União (TCU), que apontou “pedalada” fiscal.
Julio Cesar Cardoso

A OAB versus o motim da claque petista

Os senhores golpistas petistas, que querem transformar este país em uma república do pixuleco. É patética a lamentação da camarilha petista e de partidos da base de apoio ao considerar golpe o pedido de impeachment da presidente. No entanto, o PT jamais considerou golpe os pedidos de impeachment de Collor e FHC. Agora os molecotes querem falar em golpe?
Julio Cesar Cardoso

Lula e Dilma na corda bamba

PT e PCdoB consideram golpe a possível cassação de Dilma Rousseff, só porque ela foi eleita? Onde está a coerência desses partidos, que apoiam a corrupção política? O revezamento na tribuna do Congresso Nacional de políticos do PT, do PCdoB e de outros partidos da base de apoio em defesa do governo é uma vergonha!
Julio Cesar Cardoso

Lula na Casa Civil é golpe governamental

A indicação de Lula para a chefia da Casa Civil é um homérico golpe à moralidade da República. Escancara, pois, a forma solerte de agir o governo petista ao dar guarida a quem não tinha foro privilegiado e que se viu encurralado a prestar de forma coercitiva depoimento na Polícia Federal
Julio Cesar Cardoso

Já está na hora do povo dar um “basta”

A maior manifestação da democracia jogou Dilma, Lula e o PT contra as cordas. Já estava na hora de o Brasil dizer um basta a toda essa pouca-vergonha que tomou conta do país.
Julio Cesar Cardoso

A legalidade da condução coercitiva de Lula

A condução coercitiva de Lula foi legalíssima. O fato inusitado pegou de surpresa principalmente a corrente petista e da base de apoio, acostumada com a impunidade dos indecorosos políticos de colarinhos brancos, que assaltam o Erário e dilapidam as instituições públicas, como fizeram com a Petrobrás.
Julio Cesar Cardoso

Ninguém está acima da lei

O PT pode enganar sempre os seus empedernidos eleitores, mas não a maioria do povo brasileiro, que está cansada de só pagar imposto para sustentar essa cambada de políticos indecorosos. Para o PT a delação premiada contra Eduardo Cunha é legítima, agora, contra a organização criminosa do PT nenhuma delação premiada é legítima, pois, segundo afirmam, visam apenas a desmoralizar o partido e seus integrantes
Julio Cesar Cardoso

Policia Federal no encalço de pixulecos

A mais recente estultice do deputado Sibá Machado foi exortar a Justiça a frear as decisões do juiz Sérgio Moro. Trata-se, como se observa, de enorme petulância de quem perdeu completamente o senso ao confundir o Estado Democrático de Direito com o ambiente anárquico ou bolivariano.
Julio Cesar Cardoso

O nefasto império da corrupção

O país atravessa um momento político delicado em que o PT tenta se safar das estripulias cometidas. De um lado está a patética mandatária do país, que se equilibra como pode para não cair e ensaia aplicar o conto do vigário na população ao pretender ressuscitar a CPMF. Do outro lado, o ex-presidente Lula está sendo convocado pela Justiça para explicar a sua relação promíscua com empresários envolvidos na Operação Lava-Jato
Julio Cesar Cardoso

Brasil está no rumo errado

Desde que o ex-presidente Lula assumiu a Presidência da República, em 2003, nunca tantos brasileiros avaliaram que o país está no caminho errado quanto agora: 82%. Apenas 14% acham que o Brasil está na direção certa; outros 4% não souberam dizer.
Julio Cesar Cardoso

Advogados em defesa de corruptos?

105 advogados, vários deles defensores de réus da Operação Lava-Jato, divulgaram manifesto em repúdio ao tratamento recebido pelos acusados na Operação. Trata-se de um bando de advogados que não se preocupa com a moralidade pública, com a corrupção crônica política, com o desvio criminoso de dinheiro da nação, que alimenta o bolso e o patrimônio de elementos inescrupulosos, os quais podem pagar bancas advocatícias renomadas com recursos ilícitos. Esses advogados não medem esforços para defender qualquer causa desde que os horários sejam compensadores.
Julio Cesar Cardoso

Gorou o paraíso vislumbrado pelo PT?

O paraíso vislumbrado pelo PT, por que acabou tão cedo? A senadora Gleisi Hoffmann (PT-PR), por exemplo, autêntica soldadinha amestrada do PT, discorda e alardeia que o país não atravessa crise alguma, pois os setores de estética e beleza, como também os de diversão continuam bombando com altos faturamentos.