Francisco Vianna

O drama socialista da Venezuela

Por em 15/02/2014
O drama socialista da Venezuela

Apesar da enorme escassez de moeda forte e sem reservas consideráveis delas, o regime “socialista bolivariano” de Caracas optou em apertar o cinto, não do governo, mas indefinidamente dos venezuelanos e deixar incólume o ralo por onde se esvai importante parcela do PIB nacional em direção a Cuba, uma ilha miserável e paupérrima que... »

Americanos avisam: “preparem-se para o xisto!”

Por em 10/05/2013
Americanos avisam: “preparem-se para o xisto!”

Se tudo der certo, os EUA deixarão de comprar petróleo no exterior e passarão a ser exportadores de combustíveis fósseis. Brasil também tem tudo para se tornar autossuficiente e fazer parte desse clube. A perspectiva de produção de hidrocarbonetos a partir do xisto betuminoso nos EUA se fortalece a cada dia, fazendo com que... »

Qual o alcance dos mísseis nortecoreanos?

Por em 12/04/2013
Qual o alcance dos mísseis nortecoreanos?

Apesar dos amplamente propagandeados testes com mísseis norte-coreanos, sabe-se relativamente pouco sobre o tamanho e a capacidade de seu arsenal convencional e atômico. Acredita-se que a ditadura comunista norte-coreana tenha um número substancial de mísseis de curto e médio alcance tais como o ‘Nodong’, uma variante do míssil Scud D, de origem soviética. Com... »

A “burrice” do governo

Por em 29/03/2013
A “burrice” do governo

Conta uma piada, dos tempos do governo militar do Gal. Figueiredo, que, ao receber a visita do Papa João Paulo II, este teria perguntado ao presidente se não era um exagero ele governar com doze ministérios. O general teria dito ao Sumo Pontífice que “assim como Jesus Cristo tinha doze apóstolos para divulgar sua... »

O que deve e o que não deve ser tributado

Por em 26/02/2013
O que deve e o que não deve ser tributado

Um dos mantras padrão da economia atual, tanto no Brasil quando no exterior, é o de que empresas e corporações estão somente sentadas sobre montes de dinheiro e não fazem nada com ele. Na verdade, elas mantêm muito capial improdutivo, como se pode observar em seus balanços e em suas contabilidades. Tal prática parece... »

Argentina considera “falta de respeito” o referendo nas Falklands

Por em 03/02/2013
Argentina considera “falta de respeito” o referendo nas Falklands

O governo argentino qualifica de “falta de respeito” a convocação do referendo sobre a soberania das ilhas Falklands (que os argentinos insistem em chamar de Malvinas), anunciado este fim de semana pela Assembleia Legislativa do arquipélago, segundo uma nota pelo website oficial da Casa Rosada. O vice-presidente argentino, Amado Boudou, presidente em exercício em... »

Os americanos não abrem mão de suas armas

Por em 11/01/2013
Os americanos não abrem mão de suas armas

O jornal americano menos conservador, o "The New York Times", nos faz conhecer através de uma matéria publicada recentemente, como o americano preza a Segunda Emenda à sua Constituição, que garante o direito do cidadão em possuir e portar armas de defesa pessoal, algo que é respeitado na maioria dos condados do país. A... »

Proibições em Cuba

Por em 21/12/2012
Proibições em Cuba

O agente da censura estatal da mídia cubana, o presidente do Instituto Nacional de Rádio e Televisão (ICRT) de Cuba, Danilo Sirio López, anunciou enfaticamente que a música "considerada vulgar e ofensiva ao estado" não poderá mais ir ao ar pela programação de rádio e TV, totalmente estatizada, alegando que "essas músicas deformam o... »

Austeridade em Portugal

Por em 25/10/2012
Austeridade em Portugal

Um editorial do jornal inglês, ‘The Economist’, usa de sarcasmo ao afirmar que a austeridade econômica – que impõe menos ganho e mais sofrimento à população portuguesa – causará o empobrecimento do país e poderá mudar o nome da nação lusa de Portugal para Poortugal, que pode ser traduzido como “Pobretugal”, uma vez que... »

Hugo Chaves garante que haverá guerra civil caso não seja reeleito

Por em 19/09/2012
Hugo Chaves garante que haverá guerra civil caso não seja reeleito

O presidente da Venezuela, Hugo Chávez, tem estado de muito mau humor ultimamente, provavelmente ao sentir que suas possibilidades de ser novamente reeleito parecem minguar inexoravelmente. Então o irado caudilho resolveu engrossar de vez e adotou uma linguagem mais violenta para meter medo no povo e parece disposto a ser eleito na marra, mostrando... »

Busca

Colunistas