Principal » Artigos de Fernando Antônio Carneiro de Carvalho
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O mea culpa do PT

Sempre achei o PT uma merda. Humberto Costa acha que as merdas que o PT fez são menores que as coisas boas. Será? Que coisas boas? Diz o PT que "elevou" classes sociais tipo "classe D ascendeu à classe C", isso com base no consumo.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Homo deus, uma distopia judaica

Voltando ao historiador israelense. Em sua breve história do amanhã ele prevê um cenário, a meu ver tétrico, no qual o mundo do futuro mantém a exploração do homem pelo homem e consequentemente ricos e pobres. E os ricos poderão pagar os melhores laboratórios de engenharia genética para transformar-se em seres super-humanos meio gente, meio máquina, meio bicho.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O Brasil e o nazismo dos pobres

Minha tese é a de que o Brasil será um país fascista. O nazismo é uma forma exacerbada de fascismo que ocorreu na Alemanha. Por que falei em nazismo dos pobres? Porque o nazismo alemão era um projeto grandioso. Hitler queria dominar o mundo. E nós vamos copiar do nazismo apenas a experiência da repressão.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Brasil, a revolução das cabeças cortadas!

O Brasil é um país de dimensões continentais e riquíssimo. É o maior produtor de açúcar do mundo (para desgraça da humanidade); possui a segunda maior frota de aviões particulares do mundo; é o décimo maior consumidor do vinho Romanée-Conti do mundo. Então, sendo entre a quinta e a décima economia mais poderosa do mundo. Nada mais justo que o povo brasileiro tivesse pelo menos a décima colocação no que diz respeito à qualidade de vida.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Manutenção permanente

Queria contribuir com uma ideia. O Liceu Franco Brasileiro da rua das Laranjeiras, Rio de Janeiro, usa o conceito de manutenção permanente. É uma escola privada, mas esse conceito devia ser assimilado pela nossa escola pública.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Renda básica, uma necessidade vital!

O ser humano é um projeto caro. Um ser humano tem que comer três vezes ao dia, sem contar lanches nos intervalos. O ser humano tem direito a muito mais coisas: educação, transporte, lazer, cultura. Criar um cachorro custa caro. Tem gente de classe média gastando fortunas com seus cachorros
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O tenentismo e a Lava Jato

Uma coisa em comum entre tenentes e procuradores seja o fato de que tenentes sejam militares de baixa e média patentes e os procuradores também, baixa e médias patentes do judiciário, com destaque para os "juizecos". Os tenentes eram favoráveis à liberdade dos meios de comunicação.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Tema para reflexão sobre o Brasil

O Ministério Público Federal iniciou uma campanha popular pela aprovação de dez medidas contra a corrupção. Tal movimento conseguiu assinaturas de mais de dois milhões de brasileiros. Eu mesmo assinei a campanha numa van estacionada no centro do Rio de Janeiro. As dez medidas no Congresso foram transformadas em quatro.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Açúcar faz mal?

Infelizmente o lobby da indústria alimentícia é mais poderoso que a OMS. Para que as pessoas pudessem monitorar a quantidade de açúcar que estão ingerindo e para que não ultrapassassem os 5% preconizados pela OMS, a indústria de alimentos teria que mencionar no rótulo dos seus produtos açucarados a quantidade em gramas de sacarose.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A nova esquerda que o Brasil precisa

Ao votar em Lula o povo achou que estava levando ao poder um dos seus. Ledo engano. Lula tinha compromissos pétreos com a minoria esmagadora. Ocorre que a burguesia é a esmagadora minoria que explora o povo brasileiro e os trabalhadores somos a maioria explorada. É por causa disso que o povo tem colocado no poder gente como Erundina, Benedita da Silva, Lula, Tiririca, Marina Silva.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Cuba e o mundo de hoje

Cuba fez história nos interstícios do confronto dos dois paquidermes atômicos. Hoje não temos mais Guerra Fria, mas a periferia não faz mais história. Os dois gigantes atômicos não podiam se enfrentar diretamente e por causa disso a história acontecia na periferia.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Semper Fidelis

Fidel Castro morreu. Um homem que figurará num lugar de destaque no Panteão dos Heróis da Humanidade. Liderou o povo cubano na construção de uma sociedade que para muitos era uma espécie de formigueiro humano onde as pessoas não podem se esforçar para possuir mansões, carros de luxo, frequentar restaurantes finos, beber bons e caros vinhos, possuir caneta Mont Blanc, e relógios Rolex.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Somos todos rigorosamente iguais

Infelizmente vivemos numa sociedade capitalista na qual as pessoas se identificam pelo que tem e não pelo que são. Gosto das concepções orientais que entendem a raça humana como uma coisa só. Não existe eu, tu, ele. Existe "nós" e só. Existe um conceito africano chamado "ubuntu" que significa: "Sou o que sou pelo que nós somos".
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Operação Métis, da Polícia Federal

A atual "Operação Métis", que resultou numa crise entre os poderes da República: Renan rodou a baiana e Carminha comprou as dores do "juizeco" de primeira instância. Que a "Lava Jato" vá até as últimas consequências. Mesmo que o circo da corrupção brasileira pegue fogo.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

PT: uma esfinge a nos dizer “decifra-me ou te devoro”

Depois que o PT foi chegando ao poder foi mordido pela mosca azul da corrupção. Começou com a história mal contada do Celso Daniel. Marcos Valério quando viu Delúbio Soares foi um caso de amor à primeira vista: um seco por dinheiro e o outro conhecendo o caminho que levava ao dinheiro. Estamos falando do baixo clero da corrupção. O generalato surgiu há pouco na figura de Palocci.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Querido Jabor

Então, querido Jabor, que houve golpe não resta dúvida. Agora o que faz intelectuais sofisticados à direita e à esquerda engolirem Temer, mesmo com má digestão consequente é o fato de que Dilma de fato tinha virado uma mala sem alça.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A saúde do SUS

Quando se fala em SUS ninguém pensa em coisas que afetam terrivelmente a saúde do sistema de saúde. Por exemplo apenas 2% dos doentes consomem 40% das verbas do SUS. A bem da verdade os medicamentos de alto custo contempla os bebês e os aidéticos. Uma drágea de um troço desses pode custar o preço de um carro zero quilômetro.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A honestidade de Lula

Não é a primeira vez que Lula afirma de maneira contundente sua própria honestidade. Parece até uma ideia fixa que persegue o "companheiro". Uma ideia que o incomoda, que martela sua cabeça. E da última vez Lula exagerou ao se comparar a Jesus Cristo: ““Acho que só ganha de mim aqui no Brasil, Jesus Cristo"".
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Ecos do impeachgolpe

Um golpe comprometido desde a origem na medida em que foi desencadeado por um rato chamado Eduardo Cunha. Um golpe garantido até por militares golpistas que diziam, segundo as gravações da quadrilha, que estariam "monitorando o MST". Isso, claro, à revelia do Ministro da Defesa de Dilma.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A nova esquerda que o povo brasileiro precisa

A nova esquerda que o povo brasileiro precisa para sair debaixo dos calcanhares da grande burguesia tupiniquim e internacional está difícil de ser parida. Porque a paisagem política, ideológica, teórica existente é de terra arrasada.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Animus antipetista

O trem da alegria dos empréstimos consignados foi uma das coisas boas que o PT fez. Se for feita uma pesquisa com os aposentados e pensionistas é claro que a possibilidade de levantar um dinheiro fácil a juros baixos será aprovada por todos. Dizer que houve uma crueldade máxima é um evidente exagero.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Lava Jato, um projeto da nova direita

O Brasil é uma fonte de riquezas colossal. Co-lo-ssal (sem querer me lembrei do Pré-sal). É uma fonte de riquezas tão grande que se fosse bem administrado nós seríamos o país mais rico do mundo. Mas os tubarões da economia mundial (vulgo capital financeiro) não vão deixar, de jeito nenhum, o povo brasileiro se assenhorear das riquezas do seu próprio país e muito menos distribuí-la.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O Brasil dividido entre ricos, favelados e agiotas

O Brasil inteiro é dividido em ricos, classe média alta, classe média baixa, e os pobres e miseráveis. Esses três últimos podemos chamá-los de "favelados". Foi essa realidade que o demagogo Lula soube explorar.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O direito à saúde

Recentemente o ministro da saúde de Michel Temer, o engenheiro civil, Ricardo Barros, deputado federal já em seu quinto mandato, em entrevista ao jornal Folha de S Paulo disse que o país não pode garantir direitos sociais
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Escudo anti-açúcar

O que o ramo odontológico da indústria da doença pede é que as pessoas combatam uma placa bacteriana ou biofilme bucal. Isso não é "higiene bucal" e sim um tipo de "profilaxia" ineficaz contra as cáries.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

PT, um pecado original

O PT já nasceu errado ou corrompido. Lula e etc. se aproveitaram da fama obtida com as greves do ABC no tempo da ditadura para criar um partido político. Quando o PT nasceu a classe trabalhadora brasileira já tinha o seu partido político que era o PCB (Partido Comunista Brasileiro).
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Afinal, impeachment é golpe ou não?

O impeachment está previsto na Constituição. Logo, não é golpe, se você se ater ao texto legal. Mas é perfeitamente possível que Dilma seja vítima de um impeachment.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Os caminhos da Operação Lava-Jato

A Lava-Jato está mostrando como o sistema político brasileiro está podre e corroído pela corrupção. A oportunidade dada ao povo brasileiro para aperfeiçoar as leis que inibem a corrupção, partindo da Petrobrás a Lava-Jato daria margem para o aperfeiçoamento das leis que regulam as relações entre empresas e poder público.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Lênin e a atual situação revolucionária brasileira

Que situação mais complexa! Se Lênin fosse vivo creio que ele teria dificuldade de fazer a tal da "análise concreta de uma situação concreta". O ideal seria que existisse uma espécie de poder moderador que anulasse tudo e convocasse novas eleições com todos os envolvidos em corrupção proibidos de se candidatar.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O lulopetismo, o pixuleco e a democracia do futuro

Colocar Lula na cadeia, fazer com que o PT se dissolva como partido de nada vai adiantar. O que tem que ser destruído é o 'modus operandi' do capitalismo brasileiro, especialmente o sistema político que alimenta isso.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Coca-Cola na boquinha da garrafa

Provavelmente por causa das Olimpíadas a Coca-Cola e a Pepsi estão com campanhas publicitárias novas na mídia. A Coca-Cola quer vender o casco de sua garrafa como um símbolo fálico. E a Pepsi ressuscita uma campanha da Pepsi twist (com suco de limão) já feita há anos em que parece que a Pepsi criticava essa história do "politicamente correto".
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A mutilação genital feminina é uma questão cultural ou apenas uma crueldade?

O problema é que tal prática aos olhos do homem civilizado bárbara, para os países que a praticam é um costume social tão comum quanto é o batizado e o casamento no Brasil. São as próprias mulheres (avós e mães) que levam as meninas para o abatedouro de clitóris. São mulheres também que executam a tarefa.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A mentira do glúten, do sal, do açúcar e da gordura

"A mentira do glúten" e outros mitos sobre o que você come é o título do livro de Alan Levinovitz, PhD. Os outros mitos são gordura, açúcar e sal. O autor não é nutrólogo, nem nutricionista. Suas áreas de interesse são orientalismo, ética, pedagogia e religião. E ele entrou na guerra das dietas com as armas de que dispunha. Tratou todas essas polêmicas envolvendo sal, açúcar, colesterol, gorduras, glúten, veganos versus carnivoros, etc.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A dívida pública e a adulteração da Constituição

Dilminha paz e amor acabou de vetar a auditoria da Dívida Pública. Esse "Sistema da Dívida Pública" é um meio, um mecanismo, um esquema (de corrupção) que desvia centenas de bilhões de reais de dinheiro dos impostos do povo brasileiro para o bolso de banqueiros. Se Dilma fizesse uma auditoria dessa dívida centenas de bilhões desse desvio ficaria nos cofres do governo.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A dívida pública, o socialismo meia boca e o Pixuleco

Os brasileiros foram surpreendidos com a notícia de que Dona Dilma vetou uma proposta de auditoria da dívida pública incluída pelo PSOL no Plano Plurianual que vai até 2019. Tal auditoria é requisitada pela Constituição de 1988 em suas cláusulas transitórias.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Açúcar e câncer de mama

A maior parte das doenças modernas são provocadas pela nutrição desequilibrada e poluída. O açúcar é o principal elemento da alimentação industrializada moderna, presente em cerca de 80% dos alimentos, está diretamente ligado à causa ou à colaboração para o surgimento de várias doenças.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Amor e morte para gregos, budistas e cristãos

O cristianismo surge como a única religião que permite aos homens vencer não apenas o medo da morte, mas a própria morte. Assim os cristão que "se amam em Deus" serão salvos e se encontrarão no além com os corpos que tinham aqui na Terra.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O que espera o Brasil?

Lula lançou mão de um projeto mambembe de "esquerda" que consistia em deixar os grandes capitalistas ganhar fortunas e distribuir as migalhas do banquete para os pobres. Lula se beneficiou de uma conjuntura internacional favorável na qual a China comprava nossas "comodities", a preço de banana, mas em quantidades astronômicas. Dilma deu azar, a China parou de comprar como antes.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Israel e a guerra contra o terrorismo islâmico

O povo judeu reza há mais de dois mil anos pela paz, mas Israel nasceu em consequência de um furacão bélico: uma guerra mundial em que um dos contendores pretendia exterminar os judeus. E talvez por isso não é um país interessado em paz. Israel é um estado "bélico-dependente" na medida em que quando está em guerra é escoadouro de dinheiro de judeus do mundo todo (especialmente dos EUA).
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

França, de vítima a algoz

A Guerra ao Terrorismo significará menos democracia e menos direitos civis e individuais. Ou seja significará um avanço na direção do fascismo ao mesmo tempo que um recuo da democracia representativa formal burguesa. Os cidadãos serão mais vigiados, terão menos privacidade. Para fazer uma viagem de um país ao outro terão que fazer um humilhante streep tease na hora do check in na partida e do check out na chegada. Na Guerra ao Terror americana, o "1984" de George Orwell já é uma realidade. O Big Brother já vigia a todos e a tudo. O único lugar onde não há câmeras filmando as pessoas são nos sanitários, um lugar onde ainda se pode "cagar em paz".
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Confusão nos rótulos e burrice da ANVISA

As informações dos rótulos dos produtos alimentícios industrializados é um verdadeiro caos. O objetivo é criar confusão mesmo, de modo que o consumidor desista de entender a coisa e compre gato por lebre ou consuma veneno pensando que está consumindo alimento. O veneno da dieta do homem contemporâneo se chama açúcar (sacarose de cana refinada ou bruta).
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O tomate e a saúde

O tomate, devido à sua acidez, é um grande aliado dos traficantes de açúcar porque comporta grandes quantidades do famigerado. O catchup, por exemplo, que eu pensava que continha uns 30% de sacarose refinada, tem mais de 50%. Melhor consumir tomate in natura com azeite, vinagre e sal.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O Brasil dos bilhões

Em apenas um banco estrangeiro, o HSBC, oito mil cidadãos brasileiros possuem contas correntes secretas. Segundo o próprio banco esse grupo de brasileiros guarda nos cofres do banco nada menos que sete bilhões de dólares (mais de vinte bilhões de reais). Foi constituída no Senado brasileiro uma CPI para investigar o caso. Essa CPI do HSBC decidiu quebrar o sigilo bancário de alguns peixes grandes como os membros da família de Jacob Barata, sogro de Serginho Guardanapo.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

José Dirceu, Lênin e Paulo Maluf

A história de José Dirceu chegou ao fim, bem como a do Partido dos Trabalhadores. Depois do mensapetrolão o PT pode até continuar a existir como o PTB continuou sem Leonel Brizola; sobreviverá como um caput-mortuum. A história dos dois se confundem. Sempre considerei o Partido dos Trabalhadores como espécie de canto de cisne da Terceira Internacional Comunista. Não só o PT, o próprio movimento chavista bolivariano.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Anvisa burra, omissa e mentirosa

A legislação sobre rotulagem de alimentos é tão caótica que até parece que foi votada pela turma do Eduardo Cunha a toque de caixa. Se os regulamentos da Anvisa sobre rótulos são informados por nutrólogos e nutricionistas, isso confirma o que tenho dito: que a ciência dos alimentos não passa de um “picadinho irracional”. Vejam o surrealismo da coisa. O pão que se pretende integral já vimos que não é 100% integral, ele leva uma porção de farinha refinada enriquecida de ácido fólico e vitaminas (trata-se de uma devolução do que foi roubado durante o refinamento). Essa porção de trigo refinado faz com que o falso pão integral fique com um teor de “açúcares” mais elevado, porque o trigo branco refinado é um polímero de glicose (um dos “açúcares”) quase puro.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

As alternativas do povo brasileiro

Fazer campanha contra o PT e Dilma para abrir caminho para o playboy Aécio Neves -que está excitadíssimo com sua militância no "terceiro turno"-, e o tio FHC, com certeza não é dar prova de bom uso da inteligência. Sou filiado ao PT, mas não gosto muito do PT. Por que? Porque quando o PT nasceu, eu era um comunista clássico, militante do PCB, partido que em 1935 tentou fazer, na marra, uma revolução comunista no Brasil.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Deus & matéria

Segundo Hélio Pellegrino, na Suma Teológica de Santo Tomaz de Aquino está dito que: "Nada há no intelecto que antes não tenha passado pelos sentidos". Pellegrino atribui a esse conceito uma inspiração "absoluta e perfeitamente materialista" e extrai dele a seguinte "consequência": "Se tudo o que existe no intelecto humano passa antes pela experiência dos sentidos, pode-se daí concluir que o conhecimento de Deus, antes de vir dos céus, irrompe da terra, da pele do mundo, da riquíssima variedade do espetáculo que nos é oferecido" pela natureza.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Sal e açúcar, dois pesos e duas medidas

Resumidamente o açúcar é um produto químico que adoça e torna hiperglicêmica a dieta humana. Tenho minhas desconfianças se a indústria de alimentos não já encomendou a seus engenheiros de alimentos uma substância química que exerça esse papel. Um suspeito muito grande a meu ver é o tal LSS Lauril Sulfatossódico. Esse inocente "detergente" está presente no creme dental, no shampoo e até em comprimidos. Ele provoca alterações nas papilas gustativas que percebem o sabor doce e amargo. O Jaime Cury já veio a público para dizer que isso não é nada, embora pesquisas já apontem o LSS como carcinogêncio pelo menos no shampoo. O que fez aumentar ainda mais a minha desconfiança. Esse professor Cury é uma autoridade mundial em Odontologia.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O Brasil petista e a contra-reforma do PMDB

O Brasil está vivendo uma situação esdrúxula. O povo reelegeu uma presidenta que prometeu não mexer nos direitos dos trabalhadores, dizia que iria acabar com a miséria, era favorável a causa do povo palestino e apostava no projeto do BRICS contra o decadente imperialismo americano, e quiçá iria controlar a mídia golpista, leia-se Globo e Cia.. Mas chegando lá, Dilma me lembra o Dorival Caymmi: "Eu cheguei lá, mas me esqueci do que ia dizer do que ia falar..." E começou a aplicar o programa do adversário derrotado nas urnas.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Reflexão em torno da terceirização

Nós, o povo, ao longo da história já fomos livres como nômades caçadores e coletores. Vivemos nessa condição durante centenas de milhares de anos. Depois que viramos sedentários há dez mil anos com a revolução agrícola, a liberdade virou privilégio de alguns e parte de nós, o povo, perdeu a liberdade. A condição sedentária implicou em terras destinadas ao plantio ou criação de animais. E essas terras tinham donos que foram obrigados a escravizar gente para trabalhar para eles. O nômade era um ser livre senhor de sua própria história. O escravo perdeu essa condição, foi transformado à força num objeto que era vendido como se fosse um saco de batata.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

A revolução social brasileira

E se existe um país que necessita de uma revolução social neste mundo, este país é o Brasil. Esse gigante adormecido é um dos países mais ricos do mundo. Nós temos a segunda maior frota de aviões particulares, a maior frota de carros blindados do planeta. Temos um território de dimensões continentais e somos donos únicos de minerais estratégicos como o nióbio e pedras preciosas como a turmalina paraíba. Mas o povo brasileiro vive em favelas. A classe dominante brasileira, já o disse Darcy Ribeiro, é a mais competente do mundo no que diz respeito a explorar seu próprio povo. A parte que cabe ao povo no latifundio capitalista é a cova. Como disse o poeta "Lá estarás mais ancho que estavas no mundo".
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Dêem uma chance à paz

O popular adágio: "Se queres a paz, prepara-te para a guerra" (Si vis pacem, para bellum) é de Flávio Vegécio, um personagem nebuloso do Império Romano que viveu no século IV dC. Ele escreveu um Tratado da Arte Militar (Epitoma rei militaris) do qual foi pinçado a famosa frase. Nunca gostei desse provérbio por sua inspiração belicista, mas nunca parei para pensar nele. Agora há pouco descubro que Marcel Proust escreveu sobre isso. Num dos volumes de sua monumental obra prima Em Busca do Tempo Perdido, no volume A Prisioneira encontramos a seguinte análise do pensamento de Vegécio: O preparar-se para a guerra, que o mais falso dos adágios recomenda a quem diz desejar a paz, cria, ao contrário, nos adversários, primeiro a crença de que o outro quer o rompimento, crença esta que termina por provocar a ruptura; e depois outra crença em todos de que quem começou a guerra foi o outro.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Três histórias de beijo

Neste "Dia Internacional da Mulher" gostaria de falar de um tema que tem tudo a ver com mulher, beijo é claro. Era um vôo de volta dos Estados Unidos. Eduardo estivera em Orlando onde conheceu o Disney World e outras atrações como Rosie O'Grady's, Medieval Times e outras. Esteve também em Tampa onde viu o Busch Garden. No avião, sentou-se no banco à sua direita, Mônica, que ele não conhecia. Lá pelas tantas a aeronave entrou numa área de turbulência, o avião tremeu fortemente e Mônica num gesto automático segurou o braço de Eduardo. Ele voltou o rosto para a moça que já estava olhando para ele. Um beijo na boca aconteceu.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Açúcar apodrece o cérebro

A humanidade há cem mil anos, enquanto foi "caçadora e coletora" se alimentou de carne e uns poucos vegetais achados prontos para comer, mel e leite. Há dez mil anos aconteceu a revolução agrícola e passou a consumir trigo, arroz, aveia, etc. Há apenas 500 anos o açúcar entrou na dieta humana transformando-a numa ração patogênica. A partir daí entraram em cena as doenças crônicas, metabólicas, degenerativas, autoimunes, e doenças raras. A primeira doença crônica foi a cárie dental. Então, nesses 9500 anos (da revolução agrícola para cá) em que a raça humana passou a comer arroz, trigo, aveia, centeio e milho tais alimentos sempre foram considerados saudáveis.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Ética sexual

Vocês já ouviram falar de Santo Epifânio de Salamina? Um cristão ortodoxo que viveu na ilha de Chipre no final do século IV. Era um erudito, falava várias línguas e escreveu muitos livros entre eles um enorme compêndio sobre as heresias. Dedicou sua vida a combater as heresias e perseguir não-cristãos destruindo seus templos. É dele este parágrafo de pura misoginia: "A mulher é toda ela uma criatura do demônio; o homem o é só pela metade; acima da cintura ele é criatura de Deus, abaixo da cintura é produto do demônio. A união dos dois no casamento é, portanto, uma obra do demônio ao quadrado". Me recuso a comentar, mas pra mim que não sou santo creio que a mulher especialmente com criança forma um binômio sagrado.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Açúcar e nióbio

Açúcar é um assunto explosivo (a maioria das pessoas não sabe que com açúcar se produz pólvora). Nióbio é outro assunto explosivo do ponto de vista político (infelizmente a maioria dos brasileiros ignora o que seja o nióbio e o que o Brasil faz com ele). O destino resolveu juntar esses dois assuntos explosivos. Imaginem que pesquisadores de nossas universidades: Elizama Aguiar de Oliveira engenheira de alimentos da Unicamp e colegas produziram um AÇÚCAR "FOS" (frutooligossacarídeo). Tal açúcar já é comercializado nos Estados Unidos, Europa e Japão como adoçante de porcarias industrializadas como biscoitos, chicletes, sorvetes, etc. Ele, por ser uma "molécula grande" (um "oligossacarídeo" para o qual o organismo não possui uma enzima que o metabolize), não é "quebrado" nem pelas bactérias bucais e nem pelas enzimas pancreáticas.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

O homem mau é imagem e semelhança de Deus?

O homem, sendo imagem e semelhança de Deus, é um "genérico" de Deus na situação em que vive (fazendo parte da natureza junto com outros homens, as mulheres e as crianças). Mas o homem faz coisas erradas e por isso, somos tentados a pensar que Deus é imperfeito. O homem é imagem de Deus enquanto é dotado de inteligência e livre arbítrio. O que o homem faz (seu comportamento) não está incluído no conceito de que ele é cópia de Deus. Entrementes se a gente levar em consideração outro conceito, o de que "Deus é bom" e o homem teria que ser bom também.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Para não dizer que não fiz uma caricatura de Maomé

Acordei com os tiros na redação do Charlie Hebdo, e voltei a trabalhar. Vou criar um blog para os meus trabalhos. Como meu primeiro cartum foi exatamente a respeito de um muçulmano (que pode ser o Maomé). Estou correndo risco de vida, por isso peço aos meus amigos que se por acaso eu aparecer morto de forma suspeita, tipo fuzilado, façam um movimento de protesto. Imediatamente pensei na palavra de ordem "Je suis Ferdô" (assim mesmo com sotaque francês), mas creio que o lema "Tenho algo a dizer" é melhor. Tem a ver com liberdade de expressão.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Je suis Charlie

Orgulho-me de ser eu mesmo. Sinto, já disse, um discreto prazer por estar vivo. Mas isso é algo quase biológico, na verdade o ser humano não pode ser feliz enquanto houver outro ser humano sofrendo. Não me interessa a existência de um céu ou um inferno post mortem. Entendo que estou preso à vida, condenado a ser livre. Não escolhi as condições em que vim ao mundo, mas posso escolher aquelas em que vou deixá-lo. E, enquanto vivo for, posso lutar para modificar as condições materiais e espirituais legadas pelas gerações que já se foram.
Fernando Antônio Carneiro de Carvalho

Fale ao motorista somente o indispensável

Pois é seu motorista, como o mundo tem mudado não é? Antigamente o passageiro entrava pela porta traseira e descia pela porta dianteira. Com a roleta do trocador lá no final do veículo, alguns pobres, com a anuência do trocador passavam por baixo da roleta. Isso ocorria pelas costas dos passageiros. Agora com a entrada pela porta dianteira e a roleta à vista dos passageiros, nunca mais vi um miserável passar por baixo da roleta. Até porque a roleta possui um ferro que só deixa um palmo de espaço livre perto do chão.